Você está aqui: Página Inicial > Campus Santo Amaro > Notícias > Live: @projetooxe - Conexões e coletivismo: os trânsitos poéticos de Érica Azevedo
conteúdo

Live: @projetooxe - Conexões e coletivismo: os trânsitos poéticos de Érica Azevedo

publicado: 22/08/2020 16h52, última modificação: 22/08/2020 17h10
Colaboradores: Ticiano Lima

Semana passada, a LIVE.OXE recebeu o escritor e professor Adriano Eysen. De modo descontraído e contundente, Eysen tratou de suas inspirações poéticas, dos estudos como crítico literário e do valor da palavra poética para as pessoas. Leu um poema inédito e falou sobre sua última publicação, Assombros do poente, (Mondrongo, 2019), lançada no final do ano passado, após uma maturação de cinco anos.

Oxe - Live Érica Azevedo

Na próxima segunda, 24 de agosto de 2020, o projeto LIVE.OXE receberá a poetiza Érica Azevedo http://oxe.insix.com.br/erica-azevedo/. Érica é mais uma das mulheres que atuam intensamente na produção poética contemporânea no Estado da Bahia. Reside em Santo Estevão e veicula sua produção tanto por meio impresso quanto virtual, sobretudo através do blog Outros diálogos, acessível no link http://ericazevedo.blogspot.com/

Érica Azevedo, junto com outras tantas poetizas do estado, atua no fortalecimento da produção e divulgação da literatura baiana de modo articulado e coletivo. Por conta desta atuação, participou de quatro coletâneas que reúnem a força feminina da poesia baiana atual Confraria Poética Feminina (Penalux, 2016), Confraria Poética Feminina volume II (Penalux, 2018), O Sarau: doze poetas viscerais recitando na boca da noite, (Mondrongo, 2017), Outras Carolinas: Mulherio da Bahia (Penalux, 2017).

Além de publicações em coletâneas de autoria feminina, Érica participou de um livro que materializa um projeto de divulgação da língua portuguesa e reúne poetas de países de Língua Portuguesa, Conexões Atlânticas (In-finita, 2018). E ainda de um outra coletânea de minicontistas: Tudo no Mínimo: antologia do miniconto na Bahia (Mondrongo, 2018).

Érica Azevedo começou a publicar em 2002 e, além das participações nas coletâneas já citadas, dentre outras, tem dois livros individuais Outros eus (Kalango, 2013) e A chuva e o labirinto (Mondrongo, 2017). Os poemas de Azevedo apresentam temáticas em torno do existencialismo do feminino bem como de elementos étnico que explodem em meio a uma superfície que afirma questionamentos interiores de um eu-poética em elaboração de si e do mundo em redor.

Para apresentar seu percurso como escritora, ler poemas, responder perguntas e interagir com o público, o Projeto Oxe: literatura baiana contemporânea conversará com Érica Azevedo, em mais uma LIVE.OXE, na segunda 24 de agosto de 2020, a partir das 16h. 

O evento pode ser conferido via Instagram, pelo endereço @projetooxe.

registrado em: