Você está aqui: Página Inicial > Campus Salvador > Comunicação > Notícias > 2021 > Campus Salvador inicia projeto para estimular atividade física diária entre estudantes
conteúdo

Campus Salvador inicia projeto para estimular atividade física diária entre estudantes

por Henrique Soares publicado: 01/06/2021 11h41, última modificação: 02/06/2021 12h21

Micheli_Venturini_professora_campus_SalvadorCom o início da pandemia de Covid-19, as autoridades de saúde em todo o mundo passaram a orientar que as pessoas evitassem os contatos sociais como forma de evitar a contaminação e propagação do novo coronavírus. Isso trouxe como consequência muitas dificuldades para a realização de atividades físicas, fundamentais para a manutenção de uma boa saúde. 

Pensando na manutenção da saúde e qualidade de vida dos estudantes do campus Salvador do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA),  que estão em atividades remotas desde o início da pandemia em março de 2020, a professora Micheli Venturini, idealizou o “Desafio 21 dias de Exercício Físico - IFBA”, projeto pedagógico que será desenvolvido como atividade das aulas de educação física.

O projeto, que vai acontecer entre os dias 7 e 28 de junho, envolverá a participação de 135 estudantes dos cursos técnicos em eletrônica, automação e eletrotécnica do campus.

A ideia, de acordo com Micheli, é estimular a prática de atividade física orientada para auxiliar no aumento da imunidade e na manutenção da qualidade de vida. Para isso serão organizados clubes com desafios específicos que devem ser cumpridos pelos estudantes. Cada discente vai escolher um entre os seguintes clubes: Corrida, Caminhada, Bike, In House e Estudos/Leituras.

Clubes e possibilidades de novas participações

Quem planeja cumprir as metas dos clubes Corrida, Caminhada e Bike fora de casa tem recebido as orientações para evitar aglomerações e buscar espaços abertos com poucas pessoas para manter um nível seguro de distanciamento. Micheli informa que além disso, o termo de esclarecimento e autorização encaminhado para pais e responsáveis também inclui essas orientações.  

Marca_Micheli_VenturiniO clube In House será voltado para aqueles que preferem desenvolver as atividades físicas somente em casa. O mais fácil vai desafiar os estudantes a alcançarem durante os 21 dias 500 abdominais de dois tipos, 600 polichinelo, 200 agachamentos e 15 minutos de prancha. Nos outros dois desafios os números serão maiores. Para os que não desejam fazer atividade física ou não podem por algum motivo médico ou risco no local onde mora pode se inscrever no Clube de Estudos/Leitura. Os alunos que optarem por esse vão ajudar a receber e organizar os dados dos demais participantes. 

As atividades serão registradas em aplicativos como Strava e Adidas Training além de gravação em vídeo para registro e encaminhados para Micheli. “Esse projeto me trará muitos dados importantes sobre a dinâmica de vida da juventude que faz parte do IFBA e pretendo tirar dessa construção, dois artigos científicos. Por enquanto, trata-se de uma experiência, exclusivamente, pedagógica. Mas eu já vislumbro que com ou sem pandemia, já é possível transformar essa ideia em um projeto para o campus Salvador, haja vista a dinâmica e relevância do assunto. Muitos familiares estão querendo participar também do desafio. Muitos estudantes de outras turmas estão me procurando pra isso também. Devo ter que criar um grupo de convidados pra abrir para mais gente participar”, adianta a docente, que já vê a possibilidade de no futuro propor um projeto semelhante voltado para estimular hábitos de vida saudável entre os servidores da instituição. O projeto conta com o apoio de estudantes e professores das licenciaturas em educação física das universidades federais da Bahia e de Sergipe.  

Mais informações: Instagram - @desafio21diasifba