Você está aqui: Página Inicial > Campus Salvador > Comunicação > Notícias > 2019 > Estudante, técnica administrativa e docente recebem Prêmio Parracho
conteúdo

Estudante, técnica administrativa e docente recebem Prêmio Parracho

por Jamile Teixeira publicado: 06/11/2019 17h32, última modificação: 07/11/2019 11h24
Colaboradores: Henrique Soares

 “E o prêmio Parracho 2019 vai para…”. Essa frase foi ouvida três vezes diante de um público curioso para conhecer o resultado da segunda edição do Prêmio Professor Fernando Fernandes Parracho.

O estudante Leonardo Santiago, a técnica administrativa Eliana Lago e o professor Luiz Machado receberam as placas láureas das mãos do diretor geral Albertino Nascimento, da diretora de ensino Catiane Rocha e do diretor de pesquisa Allan Edgard Freitas.

O Areja Bus rendeu a premiação, na categoria Estudantes, para Leonardo Santiago. A solução, segundo o aluno do curso de engenharia mecânica, é um sistema de ventilação parcialmente natural que utiliza a própria movimentação do ônibus para promover conforto térmico aos passageiros desse tipo de transporte público urbano. “Esse projeto foi desenvolvido durante um ano no Programa Hotel de Projetos. Nossa equipe teve apoio técnico e financeiro para desenvolver o produto e chegar num modelo de negócio viável para entrar no mercado, graças às mentorias e capacitações em empreendedorismo”, aponta Leonardo. Durante o programa, a pesquisa tecnológica e o desenvolvimento em empreendedorismo aconteceram de forma simultânea. “Atualmente, iniciamos o programa de pré-incubação do coletivo e estamos em contato com empresas do transporte público de Salvador e Goiânia para validar o produto em um ônibus real”, acrescenta Leonardo.

Eliana Lago, servidora em atividade na instituição há mais de quatro décadas, venceu na categoria Técnicos Administrativos. A conquista se deu por meio do relato de experiência sobre a implantação do novo sistema utilizado na Biblioteca Professor Raul Varella Seixas. “Tive a oportunidade de realizar, junto com toda a equipe de trabalho da biblioteca, uma grande mudança nos processos técnicos, que resultou na ampliação de recursos informacionais e melhorias na qualidade dos serviços de atendimento ao usuário”, relata a técnica administrativa que revelou não esperar receber o prêmio: “Foi uma surpresa maravilhosa, pois significa trabalho reconhecido. Isso é muito bom e nos dá sinal de que estamos caminhando na direção certa e colaborando com o desenvolvimento da Instituição”, conclui.

Com TI Social, Luiz Machado conquistou o prêmio na categoria Docentes. O projeto ofertou 128 vagas para cursos gratuitos, técnicos e de qualidade em Montagem e manutenção de computadores e Instalador e reparador de computadores. “Não são todas as pessoas que dispõem de recursos financeiros para realizar uma capacitação de manutenção de micro e redes de computadores. Disponibilizar essa oferta, numa instituição pública, sem dúvidas só fortalece e demonstra o nosso compromisso social”, argumenta o professor que, surpreso, confessou como se sentiu com a premiação: “A palavra é emocionado, me senti assim e bastante feliz com o reconhecimento”. A seleção para os cursos, na época, contou com cerca de três mil pessoas inscritas.

A premiação

O prêmio homenageia o professor Fernando Parracho por seu legado, ao mesmo tempo que concede reconhecimento aos integrantes da comunidade acadêmica que se destacaram com pesquisas, inovações e desenvolvimento científico na unidade de ensino, durante o ano letivo anterior.

Foto: Henrique Soares/Dicom

Divisão de Comunicação/Campus Salvador