Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2021 > IFBA terá mestrado interinstitucional na área de contabilidade
conteúdo

IFBA terá mestrado interinstitucional na área de contabilidade

Ainda em fase de ajustes do edital, o mestrado será voltado aos servidores do Instituto.
por Iali moradillo publicado: 09/08/2021 08h31, última modificação: 05/09/2021 07h57

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) deverá abrir, ainda em 2021, vagas para o primeiro mestrado na área de contabilidade, fruto da parceria com a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

O Mestrado Interinstitucional (Minter) terá duas linhas de pesquisa, criadas para operacionalizar o Ensino e a Pesquisa: a) Informações Contábeis para Usuários Externos: relacionada à informação contábil e atuarial voltada para os usuários externos à organização, que não têm acesso às decisões sobre a qualidade e à quantidade de informação contábil divulgada pelas organizações; e b) Informações Contábeis para Usuários Internos: relacionada à informação contábil e atuarial para os usuários internos da organização, ou seja, aqueles que têm acesso a um conjunto maior de informações e que participam do processo decisório da organização.

Embora ainda esteja em fase de ajustes, a chefe do Departamento de Pós-Graduação e Qualificação (DPGQ) da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (PRPGI), Rivailda Argollo, antecipou alguns critérios a respeito do mestrado.

Para participar da seleção é necessário ser servidor(a), graduado(a) ou concluinte, e apresentar projeto de pesquisa. Informações sobre formato e extensão serão divulgadas no edital de seleção.

A previsão é que a seleção aconteça em três etapas:  1) prova de conhecimentos específicos e de inglês, de caráter eliminatório e classificatório; 2) análise e defesa do projeto de pesquisa, de caráter classificatório, e; 3) avaliação curricular, de caráter classificatório. A prova de conhecimentos específicos deve abranger os temas: contabilidade societária; contabilidade aplicada ao setor público; contabilidade gerencial e de custos; e, métodos quantitativos.