Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2021 > IFBA e Steve Biko preparam parceria com oferta de cursos
conteúdo

Notícias

IFBA e Steve Biko preparam parceria com oferta de cursos

Os estudantes de licenciatura e engenharias do IFBA contribuirão com a formação dos alunos do curso pré-vestibular do Steve Biko. A previsão é que em maio as instituições iniciem seus projetos conjuntos.
por Janaina Marinho publicado: 27/03/2021 10h10, última modificação: 27/03/2021 10h10

O Instituto Cultural Steve Biko e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) se reuniram, no dia 18 de março, num encontro inicial para estabelecer uma parceria entre as instituições. O objetivo é firmar um convênio que permita ampliar ações educacionais do centro cultural e possibilitar formações para educação das relações étnico-raciais no IFBA.

A intenção inicial é uma troca de experiências científico-educacionais, na qual se possa aliar o conhecimento e as estruturas de ambas instituições: o amadurecimento técnico-cientifico do IFBA, somando-se ao know-how de desenvolvimento de uma educação sociorracial e de formação de lideranças, de quase 30 anos do Instituto Biko”, explicou George Oliveira, do Instituto Cultural.

De acordo com a diretora de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis do IFBA, Marcilene Garcia, um grupo de trabalho do IFBA analisará as demandas apresentadas pelo Steve Biko para efetivar um convênio. “Espera-se contribuir com ações que maximizem os esforços que o Biko  já vem realizando na área de formação para educação das relações étnico-raciais; inserção de negros na Universidade e mundo do trabalho. Destaca-se especialmente a experiência do cursinho pré-vestibular para negras(os) em Salvador, coordenada pelo Steve Biko, que tem reconhecimento nacional há décadas. Os jovens beneficiados são de camadas populares que, em função da pandemia acumulam mais desvantagens sociais e econômicas para além do racismo sistêmico. A maioria destes jovens, em função da formação cidadã e antirracista se tornam grandes lideranças sociais em seus locais de atuação. Desta forma, espera-se envolver estudantes de licenciatura e engenharias do IFBA para contribuir com a formação dos estudantes da Steve Biko no curso pré-vestibular, mas também noutras ações na área de tecnologia que serão definidas”, explica a diretora do DPAAE.

O encontro, remoto, contou com a participação dos representantes do Steve Biko, George Oliveira e Ivo Ferreira de Jesus, da reitora do IFBA, Luzia Mota, da pró-reitora de Extensão, Nívea Cerqueira, da diretora de Políticas Afirmativas e Assuntos Estudantis,  Marcilene Garcia de Souza, da professora Verônica de Souza Santos, chefe do Departamento de Ações Afirmativas da DPAAE, e de Ana Paula Agapito, integrante do Gabinete. A previsão é que em maio as instituições iniciem seus projetos conjuntos.

EM CONSTRUÇÃO  - O Instituto Cultural Steve Biko é reconhecido pela sua história e tradição na oferta de cursos que promovem a inserção de negros(as) no espaço acadêmico como estratégia de ascensão social e combate à discriminação racial. Seus projetos englobam curso pré-vestibular de preparação de jovens negros(as) para as Universidades; Programa Oguntec de formação e estímulo às áreas das Ciências e Tecnologias; e programa de intercâmbio com troca de experiências, visitas, palestras, etc. A instituição espera que a parceria com o IFBA contribua para a conclusão da obra na sede, onde funcionará a Faculdade Steve Biko. O imóvel foi cedido pelo Governo do Estado da Bahia e está localizado no bairro do Campo Grande, em Salvador. “Estamos captando recursos para a reforma do imóvel que teve sua conclusão interrompida por falta de recursos. Acreditamos que parcerias como essa com o IFBA possam colaborar para a conclusão da obra da nossa sede”, informa a Instituição.

registrado em: , , ,