Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2019 > IFBA promove atividades para garantir experiências positivas em olimpíadas de Matemática
conteúdo

Notícias

IFBA promove atividades para garantir experiências positivas em olimpíadas de Matemática

por Helen Sampaio publicado: 12/04/2019 15h16, última modificação: 12/04/2019 16h50

Com histórico de participações em olimpíadas de diversas áreas do conhecimento, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) começou o ano de 2019 se preparando para brigar por melhores colocações em, pelo menos, três olimpíadas na área da Matemática. Cursos, minicursos, revisões no formato de monitorias, aplicações de simulados, entre outras atividades, foram pensadas pelos campi Euclides da Cunha, Eunápolis, Ilhéus, Jacobina e Salvador, com o objetivo de preparar os estudantes para as competições.

4E889F5B-AECF-4B9A-8A2E-F26483D57ED7.jpeg
Alunos do campus Salvador realizam prova da OIMSF
E, já nesse mês de abril, o Instituto, através dos estudantes do campus Salvador, disputou a Olimpíada Internacional Matemática Sem Fronteiras (OIMSF), que teve sua origem na França e que, desde 2010, é realizada também no Brasil, sob a organização da Rede do Programa de Olimpíadas do Conhecimento (Rede Poc). A iniciativa reuniu estudantes do ensino médio e fundamental I e II, de vários países, entre eles, Áustria, China, Estados Unidos, Índia e Alemanha. As provas ocorreram no dia 5 e os resultados serão divulgados no dia 20 de maio.

Além da OIMSF, outras competições estão marcadas no calendário dos estudantes, como a Olimpíada de Matemática dos Institutos Federais (OMIF), que acontecerá entre os dias 6 e 11 de maio, e a tradicional Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP), que terá a primeira fase da sua 15ª edição no dia 21 de maio.

Delegação IFBA2(2).jpg OMIF
Delegação do IFBA na OMIF 2018
A OMIF é direcionada aos alunos do ensino técnico integrado de nível médio das instituições da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica (RFEPT). Sua primeira etapa acontece na escola do candidato e a segunda, este ano, terá como sede o campus Campos Centro, do IFFluminense (RJ). O projeto surgiu no ‘Biênio da Matemática 2017-2018’, a partir de uma lei instituída, como parte da Agenda Positiva do ensino, pesquisa e inovação no país, cujo tema principal é ‘A Matemática está em tudo’ e faz parte dos eventos comemorativos dos 10 anos da criação dos Institutos Federais brasileiros.

euclides da cunha na omif
Estudantes do campus Euclides da Cunha, na OMIF 2018
Esta será a segunda edição do evento, que em 2018 promoveu um encontro, que contou com a presença dos estudantes do campus Euclides da Cunha, já inscritos para a edição 2019. Os interessados em se inscrever para a OMIF devem procurar os departamentos de matemática dos seus campi. No campus Salvador, é possível se inscrever até o dia 6 de maio.

A OBMEP, uma iniciativa do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), e promovida com recursos do Ministério da Educação (MEC) e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) é a olimpíada que conta com o maior número de inscritos no Instituto. Isso porque já no início do ano, todos os alunos do integrado são inscritos na primeira etapa do evento científico, que, desde 2005, reúne estudantes de escolas públicas do país (do 6º ano do fundamental até o 3º do ensino médio) com o propósito de estimular o estudo de matemática e descobrir jovens talentos na área.

medalhistas_obmep_ifba.JPG - Jacobina
Os medalhistas da OBMEP 2018, em Jacobina, Alan Barbosa Oliveira e Felipe Rocha Torres
Mais de 18 milhões de alunos participaram da edição de 2018, na qual o IFBA conquistou sete medalhas de bronze, uma de prata e diversas menções honrosas. Esse ano, o Instituto está motivado para obter melhores resultados, mas não só isso. “A participação dos nossos estudantes em atividades como essas, os coloca desde cedo em contato com outras pessoas e experiências que ultrapassam os limites do contexto escolar, oportunizando novos conhecimentos e despertando para outras possibilidades formativas, não somente por meio dos resultados, mas pela própria experiência. Para o IFBA, os resultados dessas iniciativas que envolvem  estudantes e docentes evidenciam todo um trabalho acadêmico em prol da qualidade da formação oferecida pelo Instituto”, destaca a pró-reitora de ensino em exercício, Diana Sampaio Melo.

 

Com a colaboração da Comunicação dos campi Eunápolis, Euclides da Cunha, Ilhéus , Jacobina e Salvador