Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2019 > IFBA implanta novo padrão de sinalização vertical em oito unidades
conteúdo

IFBA implanta novo padrão de sinalização vertical em oito unidades

publicado: 02/09/2019 16h23, última modificação: 13/09/2019 18h15
Exibir carrossel de imagens Totem instalado na sede da Reitoria, em Salvador

Totem instalado na sede da Reitoria, em Salvador

Buscar atendimento ou procurar por um determinado serviço em uma instituição de ensino com mais de 5 mil metros quadrados de área construída, encontrar entre as centenas de pessoas que circulam por seus corredores uma indicação segura, podem constituir-se em um verdadeiro desafio para o visitante, e até mesmo para alunos, professores e servidores.

Foi com o objetivo de tornar-se um ambiente acessível no que tange à estrutura física de suas edificações que o IFBA implantou recentemente o projeto de sinalização vertical. A ação visa o cumprimento do Decreto 5.296/2.004, que regulamenta as Leis 10.048/2.000 e 10.098/2.000 e se refere às normas técnicas de acessibilidade da ABNT, assim como à Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, de 2008.

Em sua primeira etapa, o projeto orçado em R$ 1.334.450,00 contemplou a sede da Reitoria, em Salvador, e os campi de Euclides da Cunha, Juazeiro, Camaçari, Santo Amaro, Irecê, Porto Seguro e Brumado. A programação visual é assinada por Katia Sasaki Utima e José Arnaldo Degasperi Cunha, com a supervisão da Diretoria de Gestão da Comunicação Institucional (DGCOM) e da Pró-reitoria de Desenvolvimento Institucional (PRODIN).

As demais etapas dependerão da liberação dos recursos do Governo Federal. Após a liberação dos recursos, será feito um estudo de viabilidade em função do valor, planta dos Campi de forma a atingir a maior quantidade de unidades possíveis, até alcançar a totalidade.

"Para um campus em implantação como o nosso, e que projeta a oferta de cursos superiores, a nova sinalização é bastante importante, pois atende aos requisitos de acessibilidade inerente aos processos de reconhecimento de novos cursos, pois contempla também a sinalização em braile", atesta o diretor geral do campus de Euclides da Cunha, Antônio Adolfo Mendes.

Concebida desde a sua inauguração com piso tátil, a unidade situada no norte do Estado tornou-se ainda mais acessível com a implantação de sinalização vertical dotada de sistema de leitura tátil para pessoas cegas ou com baixa visão.

Já em Brumado, no sudoeste baiano, o processo de implantação da sinalização vertical, ainda em curso, vem sendo realizado de forma concomitante com a horizontal. “Mesmo ainda faltando mais dois totens para instalar já deu pra notar uma nova visão do campus e uma nova visualização da identificação dos espaços”, destacou o diretor do campus, Rui Pereira Santana.

Entrada do campus Brumado
Entrada do campus Brumado

Segundo o Pró-Reitor de Desenvolvimento Institucional, Róger Santana, o Departamento de Projetos da PRODIN está fazendo o levantamento do cadastro de todos imóveis que não foram contemplados com o piso tátil (obras anteriores a 2013) a fim de se debruçar no desenvolvimento do projeto executivo.

“Buscamos enfocar, primordialmente, em potencializar os aspectos imprescindíveis para o atendimento público, considerando a diversidade de usuários, sejam eles cidadãos em busca dos serviços oferecidos, sejam os próprios servidores no cumprimento de seu trabalho”, explica o pró-reitor. “Em suma, esse esforço da Reitoria, PRODIN e DGCOM visa universalizar a informação ao público apontando para o maior número possível de pessoas”, complementa.

Diretoria de Gestão da Comunicação Institucional - DGCOM