Você está aqui: Página Inicial > Notas e Comunicados Reitoria > Nota oficial pela alteração do calendário de provas do ENEM 2020
conteúdo

Nota oficial pela alteração do calendário de provas do ENEM 2020

publicado: 18/05/2020 17h57, última modificação: 19/05/2020 14h19

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia vem manifestar sua preocupação com a manutenção do cronograma de inscrições (até o dia 22 de maio) e de realização de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2020, entre 1 e 8 de novembro no formato impresso, e 22 e 29 de novembro para o formato digital. 

Vivemos um dos momentos mais graves da história recente, em que milhares de pessoas se defrontam com um inimigo invisível que já contaminou mais de 200 mil pessoas e ceifou mais de 16 mil vidas apenas no Brasil1. Por consequência das necessárias medidas de isolamento social, todos os sistemas de ensino público do país suspenderam suas atividades e aulas presenciais.

Mesmo as Instituições que adotaram atividades não presenciais, mediadas por ferramentas digitais online, reconhecem que boa parte dos jovens, especialmente de regiões menos favorecidas do país não tem pleno acesso à internet, o que pode comprometer decisivamente a participação e/ou o desempenho no ENEM. De acordo com a última pesquisa do PNAD/IBGE (2018), apenas 58,4% da população do nordeste tem acesso à internet em seus domicílios, o que revela a realidade desigual e injusta da inclusão digital no Brasil.

Por todo este quadro de pandemia e de desigualdades, acreditamos que a manutenção dos calendários de inscrições e de realização das provas do ENEM 2020 prejudicará milhões de estudantes no Brasil. Como afirma Boaventura Sousa Santos (2020), precisamos aprender com o traço pedagógico desta pandemia e quarentena porque elas “estão revelando que são possíveis alternativas, que as sociedades se adaptam a novos modos de viver quando isso é necessário e sentido como correspondendo ao bem comum.”

Assim, somamo-nos ao Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (CONIF), que em nota pública, defendeu o adiamento de todas as etapas do ENEM 2020, para que os efeitos já nocivos desta pandemia não reiterem ainda mais as desigualdades e contradições da realidade educacional brasileira.

Parafraseando as palavras de Ailton Krenak (2020), para combater esse vírus e seus efeitos colaterais, “temos de ter primeiro cuidado e depois coragem”.

Assim sendo, o IFBA, representando sua comunidade e em consonância com a vontade da sociedade brasileira, manifesta-se pela suspensão do calendário previsto para o ENEM e soma-se às entidades que solicitam que o MEC aguarde o desenrolar dos acontecimentos em torno das modificações impostas pela pandemia e o retorno às atividades presenciais para redefinir sua realização.

Gabinete da reitoria do IFBA

 

KRENAK, Ailton. O amanhã não está à venda. São Paulo: Companhia das Letras, 2020
SANTOS, Boaventura Sousa. A cruel pedagogia do vírus. São Paulo: Boitempo, 2020.

1 Dados extraídos no dia 16 de maio de 2020.