Você está aqui: Página Inicial > Campus Ilhéus > Comunicados e Notícias > Artigo resultante de investigação de projeto de Iniciação Científica – Ensino Médio realizado no IFBA Campus Ilhéus é publicado em revista Qualis A2 da área de Educação/Ensino
conteúdo

Artigo resultante de investigação de projeto de Iniciação Científica – Ensino Médio realizado no IFBA Campus Ilhéus é publicado em revista Qualis A2 da área de Educação/Ensino

por CAMPUS ILHEUS publicado 02/06/2020 11h28, última modificação 02/06/2020 11h28

O artigo “Educação não formal em Física através do Caminhão com Ciência: funcionamento e desafios” de autoria do professor Danilo Almeida Souza e de Catharina Varandas Alves Cunha, à época estudante do curso Técnico Integrado em Segurança do Trabalho e Bolsista de IC-EM (2016-2018), foi publicado no Volume 19, Número 2 de 2020 da Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias (REEC).

O trabalho discute a educação em centros e museus de ciência, por meio da caracterização de um projeto de educação não formal no sul da Bahia, nesse caso o “Caminhão com Ciência”. No artigo, os autores buscam compreender a partir da visão dos monitores da área de Física do projeto “Caminhão com Ciência” como ocorre a concepção das exposições, o modelo de educação escolar adotado e de qual maneira as exposições contribuem para o ensino de Física.  A discussão trazida, resulta da coleta de dados do projeto de iniciação científica júnior intitulado “Museus de Ciência e sua articulação com o ensino de Física: mapeamento, descrição e possibilidades de implantação”, aprovado no Edital nº 03/2017/PRPGI - PIBIC-EM-IFBA, executado por Catharina sob orientação do professor Danilo.

O artigo completo pode ser acessado por meio do link: http://reec.uvigo.es/REEC/portugues/REEC_index_po.htm

O periódico: A Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias (REEC) é uma revista científica quadrimestral internacional, disponível on-line, dedicada à inovação e investigação sobre o ensino e a aprendizagem das ciências experimentais nos diferentes níveis educativos (infantil, primário, secundário e universitário) e é avaliada na área de Educação/Ensino no Qualis/CAPES (2013-2016) como A2, que atesta sua qualidade e importância como meio de divulgação de pesquisas na comunidade do ensino de ciências/Física.