Você está aqui: Página Inicial > Campus Feira de Santana > Notas > Nota a comunidade: um mês de afastamento
conteúdo

Nota a comunidade: um mês de afastamento

publicado: 17/04/2020 11h09, última modificação: 17/04/2020 22h46

No dia 16 de abril, completamos um mês afastados. Nesse período, foram muitas recomendações das autoridades de saúde, diversas portarias, decretos e resoluções divulgadas pelos órgãos competentes para orientar as instituições de ensino, públicas e privadas, de todo o país, a lidar com essa nova realidade de pandemia mundial.

Como já havíamos comunicado, no dia 22 de março de 2020, foi publicada a Resolução nº 7 do Conselho Superior do IFBA – CONSUP. Essa Resolução, levando em consideração a pandemia do coronavírus (COVID-19) declarada pela OMS, considerando que o Estado da Bahia decretou situação de emergência diante do novo vírus e considerando o reconhecimento do estado de calamidade pública no Brasil, resolveu, de acordo com o art. 2º, “suspender, no âmbito do Instituto Federal da Bahia, as atividades presenciais por tempo indeterminado, a partir de 20 de março de 2020”.

De acordo o art. 9, da referida Resolução, foram suspensos os calendários acadêmicos em curso no IFBA. Informando, em seu § 1º, que é facultado apenas aos cursos que estejam encerrando o ano letivo de 2019, com um mínimo de 80% da carga horária do período letivo cumprida, a realização de atividades de ensino com o uso de ferramentas digitais e tecnológicas e/ou Educação à Distância.

Como o Campus Feira de Santana já estava com o calendário 2020 vigente, não podemos, nesse momento, ofertar o ensino à distância.

Apesar de ser um anseio de alguns que ocorram aulas nesse período, o ensino à distância, por mais importante que possa parecer ser no atual contexto, têm limitações e não atende a todos os estudantes da mesma maneira. Ao lançar mão dessa estratégia, podemos enfrentar o risco da ampliação de desigualdades, pois sabemos que o acesso a recursos tecnológicos é heterogêneo entre os alunos. E não podemos penalizar ainda mais aqueles em situações mais vulneráveis.

Além disso, a educação à distância requer projeto pedagógico próprio, com metodologias e materiais pedagógicos específicos, exige da instituição estrutura tecnológica adequada, dos profissionais conhecimento e adaptação a esse modelo de ensino e dos estudantes um ambiente familiar que apoie e promova o aprendizado online. 

Apesar da suspensão das atividades presenciais, continuamos realizando atividades remotas de natureza acadêmica, administrativa e de gestão. Ressaltando que ainda não temos previsão de retorno as atividades presenciais.

Essas atividades remotas de natureza acadêmica contemplam práticas didáticas desenvolvidas pelos professores como complemento ou reforço de conteúdos trabalhados em sala de aula no ensino presencial. Ressaltando que, essas ações, se realizadas, não serão contabilizadas, tendo em vista a suspensão dos calendários acadêmicos.

O envio de atividades não é uma obrigatoriedade por parte dos docentes, pois muitos também enfrentam limitações de acesso a Internet de qualidade, não possuem equipamentos adequados e alguns também enfrentam dificuldades de ordem emocional nesse momento tão delicado. Temos que lembrar que no cenário atual, os profissionais docentes e técnicos são igualmente impactados pela pandemia e apoiá-los, pessoal e profissionalmente, é medida absolutamente fundamental.

O IFBA não tem medido esforços para enfrentar da melhor maneira possível os imensos desafios do momento atual. É uma situação nova e complexa que nunca enfrentamos antes. Mas nossas principais preocupações, nesse momento, são com a saúde, o bem-estar e a segurança da nossa comunidade acadêmica.


Aline Quaresma Pamponet
Diretora Pró-Tempore do IFBA Feira de Santana