Você está aqui: Página Inicial > Campus Eunápolis > Setores > Documentos e pastas setores > DEPAD > Dúvidas Frequentes C. Patrimônio
conteúdo

Dúvidas Frequentes C. Patrimônio

por Campus Eunápolis publicado 12/09/2019 12h25, última modificação 12/09/2019 12h25

O que é Material permanente

  É aquele que, em virtude do uso, não perde suas características e identidade física, cuja durabilidade é superior a dois anos. Como exemplos desse tipo de material podemos citar os mobiliários (mesa, cadeira), equipamento de tecnologia da informação (computadores, switches), equipamentos de uso domésticos (aparelhos de ar condicionado, bebedouros). Esses materiais recebem tombamento e são distribuídos mediante assinatura do termo de responsabilidade pelo servidor recebedor.

  O que é Material inservível

 Material inservível é aquele que não está em uso na instituição ou sem serventia. Classifica-se como ocioso, recuperável, antieconômico e irrecuperável.

O que é Almoxarifado

 É local onde os materiais são recebidos, conferidos, armazenados e distribuídos. Uma vez recebidos no almoxarifado os materiais permanentes, seu controle é repassado ao setor de patrimônio, que será responsável pelo tombamento e distribuição.

 Qual a importância da realização de Inventário?

 O inventário ajuda na gestão dos bens, tornando a gestão patrimonial mais eficiente, pois possibilita um aporte de informações de avaliação, tais como:

Condições de uso dos bens, a fim de preservar-lhes a vida útil;

 Existência, em determinados setores, de material ocioso, que possa ser remanejado para outro local de maior necessidade;

 Material sem serventia, seja por defeito ou obsoletismo;

Regularidade da carga, ou seja, se todos os bens listados na carga patrimonial daquela unidade encontram-se fisicamente no setor.

 De quem é a responsabilidade de zelo pelos bens do Instituto?

 Uma vez recebidos, registrados e identificados, os bens permanentes já podem ser distribuídos, processo denominado genericamente Carga, que se efetiva com a entrega do material ao servidor/chefe do setor solicitante do bem, mediante a assinatura do termo de responsabilidade. A partir desse momento, a responsabilidade pelo zelo e guarda do material passa a ser do servidor responsável.