Você está aqui: Página Inicial > Instituto Federal > Notícias 2016 > Jornada Pedagógica 2016 reúne profissionais do IFBA, em Seabra, até amanhã

Jornada Pedagógica 2016 reúne profissionais do IFBA, em Seabra, até amanhã

publicado: 30/06/2016 16h35 última modificação: 30/06/2016 16h35

IFBA_Campus Seabra_FotoMarivaldo Oliveira.jpg
Foto Marivaldo Oliveira

Até esta sexta-feira, 1º de julho, toda a comunidade profissional do Instituto Federal da Bahia (IFBA), Campus Seabra, participa da Jornada Pedagógica 2016. Com o tema “Desafios do Ensino Médio Profissionalizante”, o evento tem sido uma oportunidade para compartilhar ideias, com o propósito de promover o fortalecimento do processo educativo.

No primeiro dia, 28/6, o professor convidado da Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Marcus Túlio Pinheiro, doutor em ciência da educação, explicou a importância da interdisciplinaridade no contexto do ensino médio técnico integrado, através de palestra e debate.  Pela tarde, foram apresentadas as disciplinas das áreas técnicas de informática e meio ambiente para o planejamento das ações que serão realizadas em conjunto durante o novo ano letivo. Essa atividade se estendeu até o segundo dia, 29/6.

Nesta quinta-feira, 30, a doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Estudos Interdisciplinares sobre Mulheres, Gênero e Feminismo da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Anni Carneiro, que também é psicóloga e psicoterapeuta, está discutindo a relação entre gênero, corpo e conhecimento por meio de roda de diálogo e oficina. Na sua fala inicial, a pesquisadora enfatizou o respeito às diferenças, sobretudo no ambiente escolar, destacando aspectos de diversos campos, como biologia, história, sociologia e antropologia.

Anni também apresentou a base das teorias feministas atuais e de suas críticas à história tradicional, abrangendo o fazer político em sua reflexão. “Temos de pensar o quanto continuamos a ser ‘colonizados’ ainda hoje e lutar pelo direito de ‘ser’. É preciso levar em conta as subjetividades e os saberes locais em nossas ações”, comentou.

Amanhã, 1º/7, será o momento para refletir sobre as principais dificuldades identificadas no ano letivo 2015 e propor alternativas para este novo ciclo acadêmico, que começa na próxima segunda-feira, 4 de julho.

Mais informações em http://goo.gl/nIyjiJ

 

Fotos: Marivaldo Oliveira
registrado em: