Você está aqui: Página Inicial > Instituto Federal > Notícias 2017 > Graduação tecnológica de radiologia obtém bom desempenho no Enade

Graduação tecnológica de radiologia obtém bom desempenho no Enade

publicado: 11/09/2017 09h32, última modificação: 11/09/2017 09h32

Avaliado com nota 4, em uma escala de 1 a 5, no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), o curso superior de radiologia do campus Salvador do IFBA ficou entre os 25% das graduações do país nesse patamar, sendo que, no estado da Bahia, somos o único curso público e, no âmbito institucional, a formação mais concorrida no sistema Sisu/Enem, conforme dados da última seleção.

Atualmente na coordenação da graduação, a professora Juliana Müller destaca os aspectos positivos do curso responsáveis pelo bom desempenho: “Além do ensino de excelência oferecido por um corpo docente extremamente qualificado, temos o diferencial dos laboratórios exclusivos, ao lado dos grupos de pesquisa e do comprometimento dos nossos discentes. Estamos em constante atualização do projeto pedagógico. No próximo ano, faremos dez anos de existência. Neste percurso, presenciamos ótimos resultados dos egressos atuando nas mais diversas áreas de atenção à saúde nos serviços públicos e privados”, comenta.

O objetivo do Enade é avaliar o desempenho dos graduandos com relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares, o desenvolvimento de competências e habilidades necessárias ao aprofundamento da formação geral e profissional, e o nível de atualização com relação à realidade brasileira e mundial, integrando o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). O Sinaes é composto também pelos processos de Avaliação de Cursos de Graduação e de Avaliação Institucional que, junto com o Enade, formam um tripé avaliativo, permitindo conhecer a qualidade dos cursos e instituições de educação superior (IES) de todo o país.

Saiba mais

O curso superior de tecnologia em radiologia do campus Salvador é fruto de proposta do Núcleo de Tecnologia em Saúde (NTS) do IFBA e atualmente está avaliado com nota máxima (5) pelo Ministério da Educação/Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (MEC/Inep). Além disso, desenvolve projetos com o Ministério da Saúde e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), através de convênios.

A graduação dispõe de laboratórios específicos, como o de informática médica; anatomia e fisiologia, além do Laboratório de Física Radiológica (Lafir), um dos mais modernos e completos da América Latina, com simuladores antropomórficos didáticos, utilizados nas aulas práticas de radiografia, fluoroscopia e tomografia. Tem por objetivo formar profissionais com a qualificação para atuar em clínicas, hospitais, laboratórios, instituições governamentais de pesquisa em saúde, indústrias, fabricantes e distribuidores de equipamentos hospitalares, com pleno domínio das novas tecnologias, nas áreas de radiologia convencional, mamografia, tomografia computadorizada, ressonância magnética, densitometria óssea, radiologia odontológica, medicina nuclear e radioterapia, conforme as normas de biossegurança e radioproteção.

Em 2012, o projeto Laboratório de Ensaios de Produtos para a Saúde (LabProSaud) passou a integrar o Parque Tecnológico do Estado da Bahia, sendo um dos únicos do país credenciado pelo Ministério do Trabalho no ramo das vestimentas de proteção contra raios-x. Influentes nas políticas públicas de saúde, os profissionais dessa graduação são responsáveis pelo sistema de gerenciamento de riscos de radiações ionizantes do estado da Bahia, bem como pela elaboração de manuais e roteiros de inspeção em vigilância usados em todo o Brasil, sendo referência nacional e internacional na área de tecnologia em saúde, especificamente no âmbito da física radiológica.

Desde 2014, docentes da graduação ministram aulas de capacitação para técnicos em radiologia do Sistema Único de Saúde (SUS), por meio de convênio firmado com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Vinculada a essa formação, também está a clínica-escola, que se encontra em construção e servirá como centro de estudo e estágio, bem como de atendimento a mulheres de baixa renda, com foco em exames de mamografia.

 

Comunicação - Campus Salvador 

registrado em: