Você está aqui: Página Inicial > Instituto Federal > Notícias - 2015 > Câmpus Juazeiro terá cursos de nível médio, graduação e pós-graduação

Geral

Câmpus Juazeiro terá cursos de nível médio, graduação e pós-graduação

publicado: 27/03/2015 17h50 última modificação: 10/12/2015 17h35

Em audiência realizada ontem (26) no Complexo Multiventos da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), em Juazeiro, os representantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) apresentaram a instituição à comunidade local, destacaram suas potencialidades e expuseram a proposta de cursos a serem implantados, entre os anos de 2015 e 2018, no câmpus Juazeiro, que será inaugurado em maio. 

audiência pública juazeiro 2

Estiveram presentes cerca de 100 pessoas, entre elas, representantes da sociedade civil, de setores públicos e sociais. Representaram o IFBA: o chefe de gabinete, Edmilson dos Santos; o coordenador de ensino superior da Pró-Reitoria de Ensino, Eduardo Seixas; o pró-reitor de extensão, José Roberto de Oliveira; o diretor geral do câmpus Juazeiro, Emmanuel Moraes; o diretor de gestão da tecnologia da informação, Luiz Machado dos Santos; e a relações públicas da Diretoria de Gestão da Comunicação Institucional, Gisele Paixão.

A proposta apresentada engloba cursos técnicos de nível médio (administração, na forma integrada, e segurança do trabalho nas formas integrada e subsequente); cursos de graduação (superior de tecnologia em logística e superior de tecnologia em energias renováveis); uma licenciatura em informática (semipresencial); e um curso de pós-graduação em segurança do trabalho. Outros cursos superiores de tecnologias, bacharelado, licenciatura e pós-graduação foram cogitados pelo IFBA, mas ainda serão avaliadas a demanda e a viabilidade para implantação. 

Audiência pública juazeiro

Ainda serão oferecidos cursos de extensão de Formação Inicial e Continuada (FIC) nas áreas de gestão de cooperativas, esportes, saúde e qualidade de vida; preparatórios para o IFBA e para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem); e cursos do Programa Mulheres Mil, uma proposta do Ministério da Educação (MEC).

Para o diretor do câmpus, a audiência pública foi produtiva porque o público concordou com a proposta pensada a partir do mapeamento da região. Entretanto, ressaltou o número reduzido de participantes. “Gostaria que houvesse um maior número de pessoas, mas as falas corroboraram com o projeto do IFBA para Juazeiro e com as intenções que temos para esta região. Meu sentimento é de satisfação e de acreditar que, de fato, vale à pena investir na educação pública”, afirmou Emmanuel Moraes.

Desde 2010, o câmpus Juazeiro funcionava como núcleo avançado do câmpus Paulo Afonso. No início deste ano, a unidade recebeu autorização do MEC para funcionar como câmpus. 

Leia mais: IFBA promove audiência pública amanhã em Juazeiro

registrado em: